23 de mai de 2010

Bolo de maconha holandês

Nosso bolo de maconha holandês está reservado. Sempre para as melhores noites, para os nossos melhores insights.
"Amiga, vamos comer bolo de maconha quando formos para a Europa?"
Tão certo quanto o dia de ontem. Porque não importa onde estamos: seja na nossa tão amada Lapa bebendo tequila numa roda de samba, seja comendo pipoca dentro da sala de cinema e suspirando orgasmos pelos nossos colírios hollywoodianos ou seja no Devassa engordando meu pobre colesterol. Não importa! Nem faz sentido!
Vocês fazem sentido. Vocês dão sentido. Estávamos perdidas no meio da praça bandeira, quase meia noite e ríamos. Repito: ríamos. Por pura vontade de viver.
E vocês ainda pagaram pra mim! Isso que é amizade!!! XDD
- (not, na próxima eu pago, prometo. Certo, assim como cachaça com mel misturada com cerveja)
Preciso dizer mais alguma coisa?

4 comentários:

  1. Não. Ja entendemos que você comeu bolo de maconha holandês (vulgo, bolo de haxixe!)

    ResponderExcluir
  2. João bobo! :P
    LINDO o post. e o melhor ainda: a gente aprendeu que não precisa fazer sentido pra ser bom. :)

    ResponderExcluir
  3. Amiga, agora eu tenho um blog. Me rendi finalmente. :)

    ResponderExcluir
  4. Eu quero um pedaço desse bolo!
    hahaha!

    ResponderExcluir