18 de jan de 2010

Cuidado com as estrelas

Para ler ouvindo: http://www.youtube.com/watch?v=RLt43ExKqso


Lapidadas por Zeus
Brilhantes e sonhadoras
vistas com olhos que carregam um quê de doçura
de romance, de palavras silenciosas.

Sorrisos lançam ao acaso,
elogios fazem aos amantes
(aqueles que vislumbram
e sentem o feitiço de Afrodite)

Deusa do amor: afrodisíaca.
Não negues o encanto que pôs sobre a noite
sobre a lua
sobre esse estranho olhar que me atinge...

Os olhos. Um momento de silêncio.
São de uma seriedade assustadora.
Aquecem e derretem a mais rude das criaturas.
Enlouquecem e conquistam.

Tarde demais,
as estrelas já derramaram o seu veneno.
O mais sutil, contido no menor dos fracos.
O mais letal: cruel, porque mata com um sorriso.

Suspiros;
Notas melodiosas;
Palavras certas:
calcanhar de Aquiles.

2 comentários:

  1. Amiga,
    mesmo você não prestando E me abandonando, super admiro a sua habilidade com palavras e acho que você será uma ótima jornalista.

    ResponderExcluir