18 de set de 2010

Oh... Well imagine

E se você me dissesse bom dia sem precisar me ligar para que isso acontecesse. Você só precisaria abrir um sorriso e se espreguiçar. Os olhos você abriria depois porque a certeza de me encontrar ao seu lado você já teria. E eu vou perguntar o que você quer tomar de café da manhã, depois de ter me espreguiçado junto ao seu abraço. (Ou é bem provável que eu acorde e o café já esteja lá, preguiçoso, em cima da cama.)
Eu consigo imaginar todo esse extenso dia, em que você viria até mim, me daria um beijo na bochecha, misturado com o seu habitual amor, seguido das palavras "precisoestudar!"...
Seríamos mais uma vez companheiros, cúmplices de sala (como em tantos outros dias do fatídico ano de 2008 fomos) ligados por aquele propósito único: a união.
E o resto você já completou: almoçaríamos, voltaríamos aos nossos afazeres para no final do dia tudo terminar naquele jantar. Ou, quem sabe, no café da manhã do dia seguinte.

Eu te amo.

Um comentário:

  1. Que lindo, amiga! =)
    Fico muito feliz por vocês!! ooowwwwwwnnnnnnnnn gaygaygay! rs
    Saudades de vc!!
    Beijos!

    ResponderExcluir