16 de out de 2010

Saldos ao final do dia

Doces. Muitos Deles. Bis, na grande maioria. Uma vontade enorme - fudidamente enorme - de sair de casa e ir pra praia, ouvindo Coldplay e descobrindo músicas novas; sair fantasiada de Drag Queen com um salto palataforma-meia-pata-embutido tamanho 15 cm e voltar pra casa só quando as pernas e os pés estivessem pedindo mais de tão acostumados à boemia e o corpo pensando na quantidade de ZzZzz'ss afogados e revertidos em... (?) puro êxtase

Mas não. O que aconteceu foi uma sucessão de estímulos cerebrais convertidos em bites na tela do computador. Temo pela vida dos meus dedos e suas futuras artroses e temo pela sanidade. Do meu final de semana.

E eu devo a duas pessoas em especial. Uma que me ouviu e abriu os olhos. Outra que me fez fechar os olhos por dez minutos presenciais. Amo os dois.

E pra animar os ânimos desfalecidos deste sábado melancólico e quadrático:

2 comentários:

  1. Amo você, amiga.
    Continue sã e talentosa. O mundo agradece. :)
    Beijos.

    ResponderExcluir