12 de mar de 2012

Música de fundo

A música tocava suavemente ao fundo. Suas mãos percorreram as curvas que o subjugavam e reconheceram a parte mais fina da sua dominatrix, onde elas finalmente acharam reposo. Seus olhos azuis encontraram conforto e carinho nas amêndoas que enfeitavam o rosto da sua Helena de Tróia.

Realmente, sentiasse capaz de lutar pelo seu amor e pelo direito de amá-la até o fim. Sentiasse capaz de lugar uma guerra inútil e perdida se isso o fizesse deslumbrar a possibilidade de vê-la novamente.

Percebeu que seu olhar se tornara tão intenso que a fizera corar violentamente e passar a encarar o movimento que os pés deles faziam. Pegou as mãos dela e as levou até seus ombros, onde as depositou.

Diminuiu o espaço entre seus corpos e guiou-a pelo salão com a leveza que a música sugeria. Ela encostou a cabeça no peito dele. Sentia-se segura e como se nada pudesse atingi-los.

Ela fungou e mais uma lágrima escorreu pela bochecha dela, molhando o pescoço do jovem dançarino. Ele levantou sua cabeça pelo queixo, com ar de preocupação.

Ela sorriu, ainda com lágrimas nos olhos.

- Não pare, adoro essa música.

E então ele sabia que tudo que ela precisava naquele momento é que eles dançassem eternamente.

Escrevi esse textinho há algum tempo, mas ele ficou escondido lá em casa. Ao me deparar com ele novamente, senti vontade de mostrar pro mundo! Espero que tenham gostado! :)